Seguros Unimed discute o engajamento do paciente durante o Congresso Internacional de Serviços de Saúde

Seguros Unimed discute o engajamento do paciente durante o Congresso Internacional de Serviços de Saúde

28/05/2019
Ilustração de médico cuidando de bebê


O diretor-presidente da Seguradora, Helton Freitas, abordou sobre a importância de novos modelos assistenciais para a sustentabilidade do setor

São Paulo, 27 maio de 2019 – A Seguros Unimed marcou presença no Congresso Internacional de Serviços de Saúde (CISS), que ocorreu nos dias 22 e 23 de maio, no Expo Center Norte, em São Paulo. O evento, que aconteceu paralelamente à Hospitalar, teve como tema principal “Experiência e engajamento do paciente: uma abordagem de negócio”.

Na ocasião, Helton Freitas, diretor-presidente da Seguradora, participou do painel “Como o engajamento do paciente e os novos modelos de cuidado podem definir o futuro da saúde suplementar no Brasil”. Ele dividiu a mesa com o diretor-presidente da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS), Leandro Fonseca da Silva.

Durante apresentação, Freitas reforçou que os custos e a ineficiência do atual modelo fragmentado estão comprometendo a sustentabilidade do setor, inviabilizando a permanência de grupos de clientes e limitando a expansão da cobertura para outros mercados. “Nesse contexto, precisamos direcionar nossa estratégia de crescimento para uma mudança de cultura, visando estabelecer o cuidado coordenado baseado em valor agregado para o paciente”, destacou.

As reflexões propostas pelo diretor-presidente da Seguros Unimed foram compartilhadas pelo diretor-presidente da ANS: “A visão do Helton coincide com o propósito da agência, que está trabalhando para uma mudança de cultura no setor da saúde baseada, essencialmente, em valor”. Ainda segundo Leandro Fonseca da Silva, a ANS caminha nesse sentido ao estimular novos modelos de cuidado coordenado, como a Atenção Primária à Saúde.

Também palestrou na ocasião o diretor de Administração e Finanças do Instituto de Efectividad Clínica y Sanitária de Buenos Aires, Ezequiel García Elorrio. O Secretário de Estado da Saúde do Governo de São Paulo, José Henrique Germann Ferreira, fez o encerramento do painel anunciando, em primeira mão, a criação de onze polos de desenvolvimento econômico no Estado, incluindo o de ‘Saúde e Farmacêuticos’. A notícia ganhou destaque na imprensa na última sexta-feira (24).

A moderação da mesa foi feita pelo superintendente de Informação, Inovação e Novos Negócios da Seguros Unimed e presidente da Comissão Científica do CISS, Fábio Leite Gastal.


Dr. Helton presidente da Seguros Unimed no CISS 2019

Dr. Helton presidente da Seguros Unimed no CISS 2019

Sobre a Seguros Unimed
Cuidar para transformar. Essa é a nossa essência e o direcionamento que norteia os negócios da Seguros Unimed. Por sua origem no cooperativismo médico, a Seguradora tem como foco atender, além do Sistema Unimed, as demandas do segmento cooperativo e do setor de saúde. A Companhia foi fundada em 1989, tendo como missão inicial comercializar planos de previdência privada para os médicos cooperados ao Sistema Unimed em todo o país.

Com o passar dos anos, ampliou os seus negócios e ganhou participação no mercado segurador brasileiro, atendendo a 6 milhões de clientes também nos segmentos de Saúde, Odontologia, Vida e Ramos Elementares – estes com ênfase nos seguros de Responsabilidade Civil Profissional. Atualmente, possui 1,2 mil colaboradores presentes na Matriz e na Central de Relacionamento, situadas em São Paulo, além de 22 escritórios regionais. Com faturamento global de R$3,26 bilhões em 2018, a Seguros Unimed projeta crescimento acima de 14% para 2019 – e está entre as maiores e mais sólidas do mercado, segundo os rankings da imprensa de negócios.